A Espada do Dragão

Nerdcore para as massas

Marketing Viral: Só é bom quando bem feito.

Se você é um bom Nerd já ouviu falar sobre Cloverfield ou sobre o Mapa da Blogsfera Brasileira

Se não, siga os links. No primeiro você terá informações sobre o novo filme de J.J. Abrams, que dirigiu ,  bombas coisas como  “Armageddon” e “Missão Impossível 3” , além de ser o escritor (tanks Master Jason) de “Armageddon” . Acontece que , no novo filme, provisoriamente chamado “Cloverfield”, ele esta usando uma forma de marketing que, quando da certo, ´funciona que é uma beleza: Marketing Viral. Através de Sites falsos e interativos, mensagems de e-mail “reais” dos personagens do filme, supostos vídeos amadores espalhados pelo Youtube, notícias , hoaxes, boatos (seria Cthulhu? Godzilla?) e a própria repercursão que tudo isso gera, ele está conseguindo atrair para o seu filme uma publicidade que talvez não conseguiria com o marketing tradicional.

Bem ao estilo do que aconteceu ao acaso (será? Teorias da cospiração à parte…) com o nosso Tropa de Elite.

O segundo caso, uma brincadeira lançada pelo Dahmer, autor dos Malvados, gerou um fluxo imenso no seu blog, atenção da mídia, além de um sem-número de cópias, algumas bem-feitas, algumas fajutas.

Tudo isso para mostrar essa notícia do Omelete. Ela aponta para uma notícia antiga, de 2002, que fala sobre o filme “Pi”. Acontece que no meio da notícia está estampado um mosquito feito de caracteres, como se fosse um fossíl digital. Pronto. Está feito Marketing Viral. Veja você mesmo.

Agora é hora da nerdaiada juntar os pontos: A notícia oficial está na sessão de games. O mosquito esta estampado na notícia de um filme obscuro sobre teoria da conspiração e do caos. O mosquito é feito de códigos, aparentemente sem sentido. O que tudo isso junto quer dizer? É óbvio!

Não sei.

Mas que ficou legal e deixa a gente curioso, é inegavel.

outubro 24, 2007 Posted by | Blogsfera do Dragão, Cinemateca Nerd, Geek, Internet, Multi-Mídias, Nerdcore, Videogame | 3 Comentários

Capcom, Bailarinas, Portal, Violência

shortshots.jpg

Olá, galera. Rapidinho para vocês, mais uma edição dos Tiros Rápidos do Ryunoken

 

Eu amo a Capcom

Capcom, ou Capsule Computers, para os nerds, é a empresa responsavel por clássicos como Megaman ( Rockman para quem preferir ) , Ducktales e Cadilacs & Dinossaurs (o que? Não conhece esses dois?). Ela andava meio quietinha, mas na última semana fez a alegria da galera com notícias fantásticas: Para os donos de um Wii, Monster Hunter 3 e Okami, jogo que nasceu para o Wii. Os donos de PS3 ficaram felizes em saber que a versão HD de Street Fighter Turbo II e Lost Planet também estarão disponíveis para o seu console. Os vídeos do remake de Bionic Commando (também não conhecia esse?) mostram como trazer um morto a vida com estilo. A nova série de ficção científica retrô cyber steampunk (desculpem, não consigo definir aquele game!) Dark Void se mostra promissora. Mas é o anúncio de Street Fighter IV que deixa todo nerd , otaku, gamer ou congêners atiçados. Saiu até na Globo. Quem fica? Quem saí? 3D? 2D? Só nos resta esperar e cogitar. Ah, todos os links são do FinalBoss!

Portal 2D

Sim, você já comprou sua Orange Box, e esta se divertindo com Half Life, Team Fortres e Portal? Ainda não? Seu PC não roda isso? Esta se sentindo excluído? Seus problemas (quase) se acabaram! Jogue aqui esta viciante e descabelante versão em flash de Portal e tente sobreviver são aos 40 níveis! Sua recompensa será deliciosa! Flash Portal

Violência

Você assistiu Tropa de Elite. Você leu a carta de Luciano Huck. E agora? Quem esta criticando “Tropa” é realmente a classe média que, segundo o filme, sustenta o tráfico? Huck tem direito de reclamar, ou ele é obrigado a aceitar o “incidente”, visto que é rico? O uso de violência contra violência resolve ou gera um ciclo infinito? Capitão Nascimento ter entrado para o panteão de hérois ficticios nacionais e alentador ou preocupante? Uma vida por um Rolex é uma tropa justa, afinal? A mídia esta se aproveitando da situação ou fazendo a sua parte. A espaço pra ser maniqueísta hoje em dia?

Você está lendo, vendo e ouvindo muito sobre isso, e eu não quis colocar mais do mesmo aqui. Está na hora de você pensar.

Ilusão da Bailarina

Você estava assistindo ao Fantástico e perdeu, ou quer rever, a Ilusão da Bailarina. Ou ainda, você nunca viu tal coisa? Então, olhe a silhoueta abaixo e responda: pra que lado a bailarina gira?

bailarina.gif

outubro 21, 2007 Posted by | Cinemateca Nerd, Espada News!, Filmes, Imagens, Multi-Mídias, Vídeos, Videogame | , , , | 1 Comentário

Que tipo de Blogueiro é você?

“What Kind of Blogger Are You?”

É um viral-quiz do Blog Action Day, que promete dizer que tipo de blogueiro você é ao mesmo tempo que faz comercial para o evento que ocorrerá na blogsfera no próximo dia 15. Para eles, eu me encaixo na categoria abaixo:

outubro 13, 2007 Posted by | Blogsfera do Dragão, Geek, Internet, Nerdcore | , , , , , | 1 Comentário

Warp Zona #003

Nova tira da Warp Zona. Clique para ampliar:

wz3.jpg

Também tem mais Farratown:

farratown-f.jpg

outubro 9, 2007 Posted by | 9ª Arte e Congêneres, Bem Humor, Nerdcore, Videogame | , | 2 Comentários

Vídeo Games Live 2007 Brasília – DF

Segue um pequeno review sobre o mega maravilhoso hyper duper fodônico evento Vídeo Games Live Brasil. Como eu não me lembrava direito da ordem dos acontecimentos, me bassei em um outro review (link abaixo) e mesmo assim algumas coisas podem estar fora de ordem. Mas da pra ter uma idéia. As fotos aqui são minhas, do amigo LgjOni ou de algum dos links abaixo. Recomendo as ótimas fotos do CerradoMix.

 

 

O LOCAL:

local.jpg_dsc0240.jpg

O Centro de Convenções Ulysses Guimarães se mostrou a altura de um evento do porte da VGL. O fato da Feira da Lua e de outro evento estarem acontecendo ao mesmo tempo que a VGL não foi motivo pra preocupação. Um não se misturou nem atrapalhou o outro. O saguão onde estava a lojinha improvisada (comprei camiseta antes de qualquer coisa esse ano, pra não me arrepender ) e as maquinas de Guitar Hero e os simuladores de corrida da Petrobrás (ah, as petrogirls…). Banheiros acessíveis, bebedouros, o palco de acesso fácil… muito boa escolha.

 

 

COSPLAYERS

foto13.jpg

O pré-show consistiu no poeminha do “All Your Base Are Belong To Us” e o videozinho de fuga da Ms. Pac Man e no mini concurso de cosplay, com uma organização confusa e um apresentador mais confuso ainda, sendo pouco justo com quem ele tirava do palco. Fui (novamente, diga-se de passagem) apresentado as cosplayers de FFX(Rikku e Yuna), já conhecidas de eventos de anime no DF, mas além delas tínhamos no palco dois Marios, uma Peach, Ada Wong,o Jin do Tekken e a outra personagem de Tekken que eu não lembro o nome, mas que ostentava sua (bela) coxa tatuada.E, é claro, o Agente Ouedan, no caso, eu. Após um processo duvidoso de eliminação ficamos no palco eu e um dos Marios. Lutei com todas as forças de agente pra ficar em primeiro, não pelo prêmio, mas para vencer aquele engodo italiano. Infelizmente, a força da marca é maior, e o simbolo-mor da Nintendo foi levemente mais aclamado pelo público, onde, afinal, nem todos conheciam Ouendan. Mas foi ótimo o pessoal me apoiando, tirando fotos e dizendo que torceram por mim, alguns mesmo sem conhecer Ouedan, e tantos outros gritando Ouedan quando eu passava! Me senti um vencedor moral. Ainda tivemos os cosplays que não subiram ao palco: vários membros da Organização XIII, o Sora, do qual falaremos mais tarde,e até o Spectroman estava ali, perdido no evento.

cosp1.jpgcosp3.jpgcosp2.jpg

 

 

ATO 1

Som de Codec. A voz conhecida de Solid Snake chama Tommy Tallarico ao palco, pra dar inicio a edição 2007 da Vídeo Games Live. Como no ano passado, o medley de jogos clássicos inicia o show. A orquestra Villa Lobos se mostra competente.
Hideo Kojima aparece (no telão) para anunciar Metal Gear. Nesse ano foram incluídas cenas do Metal Gear Solid 4. A piadinha da caixa foi repetida, mas derepente Tallarico aparece no palco. Mas, se não é ele embaixo da caixa, como no ano passado, quem seria? Sim, era Martin Leung, em sua primeira aparição, com uma camisa comprada na torre de TV e cheio de penduricalhos, pra tocar as músicas do Chrono Cross. Pedido dos brasileiros e inédita em VGL’S.

Seguiu o ótimo medley de Sonic (incrível como Sonic Adventures e knucles empolgam a galera!). E o primeiro Final Fantasy da noite, “Liberi Fatali”, do oitavo game.

Prmeira diferença notada… sai God of War, entra Tron. Ótima entrada, mas péssima saída. God of War era obrigatório. Mas tudo bem. Civilization volta com sua Música etnica-clássica, e o solista se mostra competente demais. Segunda diferença notada: Sai Castlevania ( Pusque? Pusquuuuuuue? ) e entra Medal of Honor. Achei uma escolha infeliz. A música e os vídeos da guerra destoaram do clima festivo do evento. Wicked Child , drácula e um punhado de Belmonts cairiam melhor aqui.

_dsc0037.jpg

Na primeira promoção, um saltitante cosplay de Sora se saiu muito melhor que o marmanjo que jogou Space Invader no ano passado (e teve uma performance melhorque o concorrente da segunda promoção da noite, em breve ). Não conseguiu matar todas as naves, mas ganhou um prêmio de consolação.

_dsc0119.jpg

A primeira surpresa da noite foi o convite para uma banda nacional, a 8bits Instrumental, subir ao palco para tocarem os temas de “Metroid” e “Street Fighter”. E os caras não perderam a oportunidade e mandaram muitíssimo bem, principalmente no peso extra que colocavam nas músicas. Palmas merecidas para os caras. Pra fechar o primeiro ato com chave de ouro, o esperadíssimo e infalível medley de Zelda. Now Loading.

 

 

ATO 2

Beyond Good & Evil, que música legal. Fora o que a crítica baba pra esse jogo, tenho que jogar um dia. e Myst (que versão é essa? Gráficos soberbos!) e Martin Leung, agora vestido com um abadá, que fez com que sua alcunha mudasse de Pianista dos Videogames para Macumbeiro dos Videogames! Ele tocou em seguida 10 músicas de Final Fantasy, de versões variadas. Espetacular. Uma música inédita do inédito Starcraft 2 veio antes de Kingdom Hearts, com cenas Diney ao fundo, como em 2006. Podiam ter chamado o “Sorinha” ao palco.

_dsc0271.jpg

Neste ato tivemos promoção da Petrobrás, onde alguem do público seria escolhido pra dar uma volta no simulador, no circuito de São Paulo, em um minuto e meio. Após uma batida desastrada na reta e uma ida a caixa de grama, tivemos que presenciar quase um minuto de um F1 bebado rodando no gramado. Perdeu a chance de levar pra casa o simulador, que era uma réplica du um F1 em tamanho natural equipado com o jogo. Não foi atoa que saiu com o coral de “Rubinho” atrás dele.

World of Warcraft, que não chega nunca ao país vem impressionar com sua magnífica música acompanhada das belas animações da abertura, realmente uma das mais emplogantes.
O esperado medley de Super Mario anima a galera, sendo seguido da “serenata” que Lucas, um fã brasileiro, fez para o Martin, tocando também as músicas do Mario. E o cara mandou bem, ao contrário do que eu havia lido por aí. Claro que o Martin também tocou Mario no Show, acelerado, vendado e com direito ao sonzinho de finalização do Windows.

 

 

PIADINHAS

Aliás, um dos pontos fortes da VGL DF 2007 foi o humor. Fora as várias vezes que Tommy Tallarico dançou (a pedido de alguem, segundo ele) a “Dança do Siri” , inclusive convencendo o maestro Jack Wall a dançar com ele, e dançando no meio da “One Winged Angel” , pudemos ver o sorridente senhor simpatia Martin começar uma música de Tetris e embutir ali o Hino Nacional e a Garota de Ipanema. Só não lembro direito em que momento do show tudo aconteceu. Fora os três modelitos que ele usou, incluíndo aí o “macumbeiro” e uma camiseta da Mangueira.

 

 

GRAN FINALE

Após Halo, tendo inclusive a participação de Tommy com uma estilosa guitarra eletrica em uma música de Halo 3, Tallarico pediu que balancem os celulares , DS e PSP’S quem quisesse mais uma música. Claro que era “One Winged Angel”, a música que representa os jogos de videogame, quer você goste disso ou não. A boa surpresa foi que a versão escolhida foi a do filme Advent Chidren, pois Tallarico empunhou sua guitarra e finalizou o espetaculo com pompa. Eu que esperava ouvir a versão jogo, descobri que Tallarico toca muito bem, tem presença de palco e espírito e que as imagens da Square nem fazem tanta falta quando se sabe se conduzir um show.

Na saída infelizmente não consegui encontrar os amigos com os quais tinha marcado ou encontrado lá, pois eram quase onze da noite e a maioria teve que correr. Amigos, apesar de termos conversado pouco (ou nada), foi muito bom estar lá com vocês.

O Final da VGL foi ainda mais reconfortante pois ouvimos Tommy Tallarico bradar: “Até 2008, Brasil!”

_dsc0102.jpg

 

 

LINKS:

CerradoMix (fotos)

Review+Fotos (Slikes)

Mais Fotos (Douglas)

Vídeos (ParanoidSurvivor)

8 Bits Instrumental

VGL

VGL Brasil

fb1.jpgfb2.jpgboa1.jpg

outubro 2, 2007 Posted by | Bem Humor, Geek, Imagens, Matérias, Música, Nerdcore, Reviews, Vídeos, Videogame | 8 Comentários